Foto by Wade Davis, AnthropologistOs índios Barasana, que vivem no Noroeste do Estado do Amazonas e região de fronteira com a Colômbia, têm hábitos e tradições bem peculiares, e certamente os que mais chamam a atenção são aqueles que dizem respeito à sua organização social. Um bom exemplo são os Tukano, uma das 17 etnias que compõem esse grupo indígena, que são patrilineares e exogâmicos.

O que isso quer dizer? Que seus membros pertencem ao grupo de seu pai e falam a sua língua, mas devem se casar com membros de outros grupos, falantes de outras línguas.

O Tukano Oriental é um grupo lingüístico que engloba ao menos 16 línguas. Assim, é comum em uma mesma moradia serem faladas 6 ou 7 línguas diferentes. Da mesma forma, algumas etnias dos Barasana (ou parte de seus membros) deixaram de falar suas línguas de origem, adotando outras línguas indígenas.

Outra curiosidade é que os Barasanas não diferem as cores azul e verde, pois para eles a cor do céu é igualada à cor da floresta, dos quais dependem.

Anúncios

Deixe aqui seu comentário, crítica ou sugestão:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s